Pró-Espécies seleciona consultoria para marcação de matrizes do PAN Flora Endêmica do RJ – Encerrada

Publicado em 4 de agosto de 2020
Pró-Espécies seleciona consultoria para marcação de matrizes do PAN Flora Endêmica do RJ – Encerrada Créditos: Mariana Gutiérrez / WWF-Brasil

Convidamos você a participar da seleção para marcação de matrizes, coleta e manejo de sementes de espécies endêmicas e ameaçadas em Unidades de Conservação estaduais ou municipais ou nas áreas de ocorrência das espécies sobrepostas aos territórios de abrangência do Projeto Pró-Espécies, as quais serão selecionadas pela equipe da Secretaria Estado do Ambiente e Sustentabilidade do Rio de Janeiro (SEAS-RJ).

Esta contratação também tem o objetivo de realizar articulação com os agentes das UCs e capacitação destes com o intuito de manter as atividades de forma continuada, entre outras atividades necessárias (tais como participação de reuniões, visitas técnicas, etc.) com o fim de implantar o Plano de Ação Nacional para a Conservação da Flora Endêmica Ameaçada de Extinção do Estado do Rio de Janeiro (PAN da Flora Endêmica do ERJ) no âmbito do Projeto “GEF Pró-espécies: Estratégia Nacional para a Conservação de Espécies Ameaçadas”.

O Estado do Rio de Janeiro (ERJ) é beneficiário do projeto e busca implementar o Plano de Ação Nacional para Conservação da Flora Endêmica Ameaçada de Extinção do Estado do Rio de Janeiro (PAN da Flora Endêmica do ERJ), reconhecido e aprovado pela Resolução SEAS nº 21 de 19 de junho de 2019. O PAN da Flora Endêmica do ERJ visa melhorar o estado de conservação e conhecimento sobre as espécies endêmicas ameaçadas de extinção (Resolução CONEMA nº 80 de 24 de maio de 2018), por meio da conectividade entre remanescentes florestais, envolvendo diversos atores sociais e mitigando impactos diretos e indiretos causados pelos principais vetores de pressão que incidem sobre a flora até o ano de 2022.

A Estratégia Nacional para a Conservação de Espécies Ameaçadas de Extinção Pró-Espécies: Todos contra a extinção, uma iniciativa do Ministério do Meio Ambiente (MMA) que tem como objetivo adotar ações de prevenção, conservação, manejo e gestão para minimizar as ameaças, o risco de extinção e melhorar o estado de conservação das espécies ameaçadas.

Os interessados devem enviar a proposta, considerando os itens e condições descritos na carta convite até o dia 18/08/2020. Acesse para mais informações sobre a carta convite.

O período estimado da consultoria será de 300 dias (de setembro a junho de 2020).

Sobre o Projeto Pró-Espécies

O Projeto Pró-Espécies é financiado pelo Fundo Mundial para o Meio Ambiente (GEF, da sigla em inglês para Global Environment Facility Trust Fund), é coordenado pelo Departamento de Conservação e Manejo de Espécies (DESP/MMA) e implementado pelo Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (Funbio), sendo o WWF-Brasil a agência executora.

O Projeto trabalha em conjunto com 13 estados do Brasil (MA, BA, PA, AM, TO, GO, SC, PR, RS, MG, SP, RJ e ES) para desenvolver estratégias de conservação em 24 territórios, totalizando 9 milhões de hectares. E prioriza a integração da União e estados na implementação de políticas públicas, assim como procura alavancar iniciativas para reduzir as ameaças e melhorar o estado de conservação de pelo menos 290 espécies categorizadas como Criticamente em Perigo (CR) e que não contam com nenhum instrumento de conservação.

Dúvidas podem ser esclarecidas até o dia 11/08/2020 pelo email: proespecies@wwf.org.br

Anexo I – Perguntas e Respostas – Publicada no dia 14 de agosto de 2020

Pin It on Pinterest