Pró-Espécies promove treinamento para elaboração das Listas Vermelhas

Publicado em 15 de dezembro de 2022
Pró-Espécies promove treinamento para elaboração das Listas Vermelhas Créditos: Shutterstock

Objetivo do curso é capacitar equipes envolvidas com o processo de avaliação de risco de extinção de espécies Com o objetivo de capacitar equipes envolvidas com o processo de elaboração das Listas Vermelhas em todo o Brasil, o Pró-Espécies: Todos contra a extinção, em parceria com a União Internacional para a Conservação da Natureza (UICN) e ConservationTraining.org, promoveu um treinamento sobre  a metodologia e as regras e padrões usados para as avaliações de risco de extinção de espécies. A capacitação habilitou 22 servidores e colaboradores dos órgãos estaduais de Meio Ambiente (OEMAs) na metodologia UICN de avaliação do risco de extinção das espécies para que a aplicação das categorias e critérios da Lista Vermelha seja conduzida de acordo com padrões cientificamente fundamentados. A ação é fundamental pois, nos últimos anos, os governos estaduais vêm elaborando listas de espécies ameaçadas de seus territórios, em cumprimento ao previsto em legislação federal. O “Treinamento na metodologia IUCN para elaboração de Lista Vermelha das espécies” aconteceu no final de outubro e detalhou todo processo de avaliação, a terminologia conceitual empregada, suas etapas, ferramentas utilizadas e requisitos de informação exigidos para a elaboração das listas. O curso de 20 horas e com certificação foi disponibilizado pela conservationtraining.org e foram realizadas diversas atividades complementares, como sessões online de tutoria para discussão de pontos específicos em parceria com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro (JBRJ), com o apoio do Centro  de  Sobrevivência de Espécies Brasil (CSE  Brasil), vinculado à Comissão de Sobrevivência de Espécies (SSC) da UICN.  O CSE Brasil foi criado em 2019 para potencializar os esforços de conservação por meio de treinamento e apoio para avaliação, planejamento e ações efetivas para salvar espécies ameaçadas. A Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas™ da UICN é um indicador da saúde da biodiversidade mundial e fornece informações sobre extensão, tamanho da população, habitat e ecologia, uso e / ou comércio, ameaças e ações de conservação de espécies de animais, plantas e fungos. O Pró-Espécies é coordenado pelo Governo Federal por meio do Ministério do Meio Ambiente (MMA) e financiado pelo Global Environment Facility (GEF). A agência implementadora do projeto é o Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (Funbio) e o WWF-Brasil foi selecionado para atuar como a agência executora, sendo o responsável pela execução técnica e financeira dos recursos do projeto, integrando União, estados e municípios na implementação de políticas públicas em pelo menos 12 áreas-chave para conservação de espécies ameaçadas de extinção, totalizando 62 milhões de hectares. O ICMBio e o JBRJ também fazem parte do Pró-Espécies,  e  são os  responsáveis  pelo  processo de avaliação do Risco de Extinção de Espécies do Brasil. Ambos  utilizam  a  metodologia  desenvolvida  pela  UICN, por meio de processo estruturado em várias etapas e que conta com a participação de centenas de colaboradores. As avaliações coordenadas pelas autarquias subsidiam o Ministério do Meio Ambiente (MMA) na publicação das Listas Nacionais Oficiais de Espécies da Fauna e da Flora Ameaçadas de Extinção.

Pin It on Pinterest