Pró-Espécies seleciona consultoria para atualização, elaboração e acompanhamento de cursos na modalidade EaD do PAT Chapada Diamantina-Serra da Jiboia – Aberta

Publicado em 6 de setembro de 2021
Pró-Espécies seleciona consultoria para atualização, elaboração e acompanhamento de cursos na modalidade EaD do PAT Chapada Diamantina-Serra da Jiboia – Aberta Créditos: © Michel Gunther / WWF

Convidamos você a participar da seleção para a atualização, elaboração e acompanhamento de cursos na modalidade EaD para implementação de ações do Plano de Ação Territorial para Conservação de Espécies Ameaçadas de Extinção do Território PAT Chapada Diamantina-Serra da Jiboia, no âmbito do Projeto Pró-espécies: Todos contra a extinção.

No contexto do Pró-Espécies, o estado da Bahia tinha atribuição de elaborar o PAT Chapada Diamantina-Serra da Jiboia, aprovado pela Portaria Inema nº22.000/2020, contemplando 27 táxons ameaçados de extinção como espécies-alvo. O território do PAT abrange 56 municípios em uma área com um total de 3.918.743 ha. Essa área apresenta fitofisionomias de caatinga, floresta estacional e enclaves de campo rupestre e cerrado.

A consultoria contratada irá aprimorar o curso EaD de Fiscalização Ambiental, elaborar novo módulo para o curso de Fiscalização Ambiental, elaborar o curso EaD de Turismo Sustentável, acompanhar a execução de duas turmas (uma de cada curso) e ajustar os conteúdos considerando as devolutivas recebidas. Estes cursos serão disponibilizados na plataforma do FORMAR, com abrangência territorial para além da área do PAT Chapada Diamantina-Serra da Jiboia (quando são abertas inscrições, é comum aparecerem candidatos de todo o Brasil).

No entanto, as turmas piloto destes cursos EaD serão justamente para os públicos-alvo do PAT, no caso da Fiscalização Ambiental, o público-alvo serão os gestores municipais e agentes de fiscalização da região do PAT; no caso do curso de Turismo Sustentável, o público-alvo serão os guias, condutores de ecoturismo, agenciadores de turismo e proprietários de estabelecimentos comerciais da área do PAT.

A Estratégia Nacional para a Conservação de Espécies Ameaçadas de Extinção Pró-Espécies: Todos contra a extinção é uma iniciativa do Ministério do Meio Ambiente (MMA) que tem como objetivo adotar ações de prevenção, conservação, manejo e gestão para minimizar as ameaças, o risco de extinção e melhorar o estado de conservação das espécies ameaçadas.

Os proponentes devem enviar a proposta até o dia 20/09/2021. Acesse para mais informações sobre a carta convite.

O período estimado da consultoria será de 240 dias (setembro/2021 a abril/2022).

Sobre o Projeto Pró-Espécies

O projeto Pró-Espécies é financiado pelo Fundo Mundial para o Meio Ambiente (GEF, da sigla em inglês para Global Environment Facility Trust Fund), é coordenado pelo Departamento de Espécies (DESP/MMA) e implementado pelo Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (Funbio), sendo o WWF-Brasil a agência executora.

O projeto trabalha em conjunto com 13 estados do Brasil (MA, BA, PA, AM, TO, GO, SC, PR, RS, MG, SP, RJ e ES) para desenvolver estratégias de conservação em 24 territórios, totalizando 9 milhões de hectares. E prioriza a integração da União e estados na implementação de políticas públicas, assim como procura alavancar iniciativas para reduzir as ameaças e melhorar o estado de conservação de pelo menos 290 espécies categorizadas como Criticamente em Perigo (CR) de extinção e que não contam com nenhum instrumento de conservação.

Dúvidas podem ser esclarecidas até o dia 15/09/2021 pelo email: proespecies@wwf.org.br.

Pin It on Pinterest